quinta-feira, 31 de março de 2016

A dança como inclusão social

Entidade faz campanha para levar crianças com deficiência para competir em Portugal
A inclusão social por meio da dança é o propósito da Associação Cultural de Arte Inclusiva batizada de Namastê – uma organização não governamental, criada em setembro de 2008 no Núcleo Bandeirante, para atender crianças com deficiência.
O respeito à dignidade e aceitação da deficiência como parte da diversidade humana é o que busca a entidade que, atualmente, atende várias crianças e adolescentes, por meio da Dança Cigana Artística, ministrada pela professora Luciana Vitor.
O grande sonho da equipe é participar do Festival Norte Dança 2016 – 18ª Competição Internacional de Dança, na cidade de Porto, em Portugal, nos dias 23, 24 e 25 de abril.
Convite do FND

O Festival Norte Dança (FND) é o mais antigo festival de dança português e recebe candidatos de vários pontos de Portugal e do estrangeiro, com o objetivo de revelar talento de crianças e jovens.
Este ano, a Associação Namastê foi convidada pela organização do festival para participar do evento. E para que isso se concretize, a entidade iniciou uma campanha nas redes sociais, visando arrecadar fundos para a viagem que levará a dança inclusiva do Núcleo Bandeirante para Portugal.
A ideia é conduzir ao Festival 26 dançarinos da Namastê, dos quais, 21 são menores de idade ou deficientes que necessitarão do acompanhamento de responsáveis para viajar. Devido às características particulares do corpo de baile, diversas adaptações em termos de transporte e estadia serão necessárias, aumentando dessa forma os custos da viagem.
Contribuição

A iniciativa da arrecadação de fundos por meio virtual visa garantir que, a partir da solidariedade dos que contribuírem, a entidade consiga realizar o desejo de difundir essa proposta de inclusão por meio da arte em outras localidades.
Doações podem ser feitas pela vaquinha criada para essa finalidade, no site:
Ou pela conta corrente do banco BRB: Agência 056 Conta: 013317-5
CNPJ: 10.457.936-08
Informações: Maria do Carmo ou Luciana Vítor: (61) 9260-0405 e (61) 8162-9444

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo