sábado, 25 de junho de 2016

Temer 'adula' Cunha para evitar delação, diz líder do PSOL

Ivan Valente (SP) diz que uma possível colaboração assusta a cúpula do PMDB O líder do PSOL na Câmara, Ivan Valente (SP), revelou que o presidente interino da República, Michel Temer, 'adula' o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). De acordo com o jornal O Globo, Valente disse que Temer faz isso por medo do que Cunha possa delatar caso seja deposto definitivamente do cargo.De acordo com o jornal O Globo, Valente disse que Temer faz isso por medo do que Cunha possa delatar caso seja deposto definitivamente do cargo. Valente avalia que uma eventual delação premiada de Cunha poderia expor a cúpula do PMDB, inclusive Temer, que foi presidente do partido por 15 anos."Temer adula Eduardo Cunha. Ele tem medo, pois Cunha sabe muita coisa do PMDB, inclusive dele", disse Valente ao jornal. Além disso, o líder do PSOL acha que o presidente afastado da Câmara tem perfil instável e pode denunciar colegas de partido. "O Cunha é instável. Quando cair, vai sair atirando para todos os lados. Está na cara que Temer está fugindo do Cunha", opinou Temer conversou com a publicação e afirmou que Cunha vive um "quadro dramático", mas que não interferirá na decisão da Casa e que dará autonomia à Casa para solucionar a questão dele. "Eu não vou me intrometer nessa disputa. Seria impróprio, especialmente para quem passou tanto tempo lá. Essas composições internas não alteram eventual apoio ao governo. Agora, para não alterar, é preciso que o presidente da República não interfira. Primeiro, porque está invadindo competência de outro poder; segundo, porque acha que o Congresso por si só não tem condições de escolher quem deve presidi-la", disse o presidente interino. André Moura (PSC-SE), líder do governo na Câmara, acredita que a decisão de Temer foi sensata e respeitosa à atuação da Casa. "O presidente tem sido sempre parceiro nosso. A decisão dele de se afastar da situação de Eduardo Cunha é muito sensata. Respeita muito o parlamento e não interfere nos trabalhos da Casa. Ele vai deixar com a própria Câmara a decisão", ressaltou Moura.




imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo