sexta-feira, 1 de julho de 2016

Ex de Brunet lamenta 'versão distorcida' de 'episódio na intimidade'

O empresário escreveu em seu Instagram pedindo paciência a respeito,das informações que estão circulando na mídia

Após a atriz Luiza Brunet, de 54 anos, ter afirmado que foi agredida em Nova York pelo ex-companheiro Lírio Albino Parisotto, com quem estava junto havia cinco anos, o empresário, de 62 anos, divulgou nota nesta sexta-feira (1) lamentando que "versões distorcidas" sobre uma suposta briga do casal tenha sido divulgada como "única expressão da verdade". 

"Venho a público lamentar que versões distorcidas sobre um episódio ocorrido na intimidade estejam sendo divulgadas como única expressão da verdade. Embora compreenda a natural repercussão do caso pelas pessoas envolvidas, tenho a convicção de que no momento e nas esferas legais apropriadas todas as circunstâncias serão plenamente esclarecidas", disse. 

Parisotto desabafou em seu perfil do Instagram: "Amigos, peço um pouco de paciência a respeito de algumas informações que estão circulando nas diversas mídias. Nunca na vida agredi homem, muito menos mulher que respeito muito, quem me conhece sabe. Isto não me tira o direito de me defender de tentativas de agressão através de tapas, chutes, mordidas, unhadas etc. Tento me defender através da imobilização. Se o caso for para a justiça será lá que será esclarecida a verdade. Muita paz as pessoas do Bem. Por fim este é um canal de comunicação com pessoas de que aceitei me seguirem. Agradeço a compreensão. E a vida segue". 

Segundo o G1, o empresário, com uma fortuna avaliada em US$ 1,1 bilhão, ele é a 28ª pessoa mais rica do Brasil, será citado na Justiça de São Paulo para responder a uma ação criminal com base na Lei Maria da Penha sob a acusação de ter agredido Brunet, no último dia 21 de maio, nos Estados Unidos.

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo