sábado, 27 de agosto de 2016

Bancada do DF faz pressão no GDF e no Governo Federal

Governador DF,Rodrigo Rollemberg,Presidente,Temer e os Deputados Izalci Lucas e Laerte berssa


A Bancada do DF no Congresso Nacional, coordenada pelo deputado federal Izalci (PSDB-DF), esteve ontem (26) em reuniões com o Governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, e com o Presidente Michel Temer para defender os interesses de Brasília e evitar que a crise na segurança pública se aprofunde ainda mais.
Na conversa com o governador Rodrigo Rollemberg os parlamentares defenderam a isonomia da Polícia Civil com a Polícia Federal e os reajustes para a Polícia Militar e Bombeiros. Foi proposto ainda ao governador Rollemberg um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o objetivo de por fim nas derrubadas nos condomínios.
" O objetivo do TAC é impedir novas construções para que o GDF possa realizar estudos para possíveis alterações no Plano Diretor de Ordenamento Territorial (PDOT) e outras ações de regularização. A ideia é, após a construção do Termo, ir à justiça para tentar um acordo", disse o deputado Izalci
Já com o Presidente Michel Temer, a bancada do DF pediu que fossem analisadas as perdas do Fundo Constitucional do DF de anos anteriores, que devem girar em torno de R$ 1,3 Bilhões,  e a possibilidade de benefícios referentes a renegociação das dívidas com os estados.
Além do deputado Izalci, estiveram presentes em ambas as reuniões os deputados Ronaldo Fonseca (PROS), Augusto Carvalho (SD), Roney Nemer (PP) e Rogério Rosso (PSD). Érika Kokay (PT) e Alberto Fraga (DEM) não participaram dos encontros. Os senadores Reguffe (sem partido), Cristovam Buarque (PPS) e Hélio José (PMDB) não puderam comparecer em razão do julgamento do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff no Senado

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo