domingo, 29 de janeiro de 2017

8 alimentos que turbinam a imunidade das grávidas

Para que os bebês possam crescer fortes e saudáveis, as mães precisam estar

bem nutridas.Durante a gravidez, mais do que nunca as mulheres devem ter uma alimentação balanceada, a fim de suprir as suas necessidades nutricionais, mas também a do bebê que está por vir. O ácido fólico, por exemplo, é um nutriente essencial para impedir a má formação do bebê e deve ser incluído na dieta nos primeiros meses de gestação e, se possível, até mesmo antes de engravidar. A imunidade é outro aspecto da saúde que deve ser levado em conta e alimentos que turbinem a imunidade são importantíssimos no cardápio.
Confira oito alimentos selecionados pelo blog que conseguem melhorar a imunidade das gestantes para que os bebês possam crescer fortes e saudáveis e as futuras mamães possam se proteger de problemas de saúde.
1. Batata Yacon
Por conta da insulina, este alimento é conhecido por ser uma "insulina natural", pois consegue reduzir as taxas de glicose no sangue e traz saciedade. "Além disso, é rica em fibras, que estimulam a flora bacteriana intestinal e, consequentemente, a imunidade", afirma a nutricionista Gabriela Halpern. Por ter uma textura semelhante a da pêra, pode ser ingerida crua, em forma de suco ou cozida.
2. Castanha-do-Pará
A alta concentração de selênio, um poderoso antioxidante, faz da castanha-do-Pará um dos alimentos que devem ser ingeridos, tanto durante a gestação quanto no dia-a-dia. É importante ressaltar que, por conta da alta concentração do mineral, só se deve consumir duas unidades por dia - de três a quatro suprem o limite diário. "Além disso, possui vitamina E, cálcio e magnésio, que auxiliam no fortalecimento do sistema imunológico", afirma o médico nutrólogo Durval Ribas Filho.
3. Fígado bovino

Um único fígado grelhado contém as 13 vitaminas necessárias para o bom funcionamento do corpo. "E ainda tem uma alta concentração de ferro, mineral fundamental para o desenvolvimento do feto", diz o médico nutrólogo Durval Ribas Filho.
4. Salmão
O salmão possui uma alta quantidade de ômega 3, essencial para a formação do cérebro e dos neurônios do bebê. Como o ácido-graxo possui alto poder antioxidante, ele melhora quadro de doenças cardiovasculares e funções do cérebro, como memória e concentração. Os peixes de água fria, como sardinha e atum, também possuem ômega-3. O ideal é consumir estes peixes assados, grelhados ou cozidos, pois peixes crus não devem ser consumidos por gestantes.
5. Lentilha
A leguminosa é rica em proteínas, nutriente essencial para a mãe aumentar as defesas do organismo durante a gestação. Além disso, possui carboidratos complexos, ácido fólico, vitamina B6, magnésio, ferro, fibras e triptofano, que ajudam a melhorar a sensação de relaxamento e bem-estar.
6. Gengibre
Rico em vitaminas C e B6, o gengibre ainda possui ação bactericida, facilita a digestão e evita a formação de gazes. "Pode ser usado no combate aos enjoos do primeiro trimestre. Coma lascas de gengibre em pequenas quantidades para melhorar o problema", fala a nutricionista Gabriela Halpern.
7. Iogurte
Como possuem muitas bactérias benéficas, o iogurte possui ácido fólico e ajuda a melhorar o trato intestinal, que é a primeira defesa do organismo, e contribuem para a absorção de nutrientes, como as vitaminas e minerais", afirma a nutricionista Lenycia Nery.
8. Verduras verde-escuras
Os vegetais de folhas verde-escuras possuem alta concentração de fibra, ácido fólico, magnésio, ferro e vitaminas A e B12. Entram nessa lista o espinafre, a couve, a escarola, o brócolis e a rúcula. "Para aumentar a absorção de ferro, uma boa dica é incluir uma fonte de vitamina C, como suco de limão, acerola ou laranja para temperar ou como suco ou sobremesa", afirmam especialistas.

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo