terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

A idade da loba

Estudo aponta que empresas buscam em profissionais
com 40 anos ou mais, maturidade e comprometimento
O site Vagas.com realizou a pesquisa 'Mercado de trabalho para profissionais de 40 anos', que apontou que ter ou passar dos 40 anos não é motivo de desespero quando o assunto é emprego. Então, vamos às boas notícias, segundo o estudo, que contou com 426 empresas contratantes para responder, e 1.594 entrevistados (os próprios profissionais):
Quando perguntadas sobre para quais tipos de cargos as empresas procuram profissionais com 40 anos ou mais, os representantes das companhias responderam para vagas de gestão (77,7%), especialistas e consultores (68%), operacional (40,9%), analistas (32%), além de cargos técnicos (25,5%). Em relação às vantagens de se contratar profissionais nessa faixa etária, as respostas foram maturidade (81,4%), experiência de mercado (80,1%), conhecimento técnico (70,1%), experiência de vida (69,1%), mais comprometimento (58,5%), equilíbrio emocional (57,5%) e mais fidelidade à empresa (45,4%).
Foram essas qualidades que levaram a empresária Yana Bastos, dona do brechó de luxo Choose Vintage, no Sudoeste (Brasília/DF), a ter em seu staff Regina Célia Sousa, de 40 anos. Antes do Choose, Regina trabalhou como recepcionista de restaurante, vendedora de loja de roupas, e gerente de recepção um hotel. No Choose, Regina tem autonomia, por exemplo, para selecionar as peças que fornecedoras deixam, em sistema de consignação, para vender na loja, função que, inicialmente, somente Yana poderia desempenhar por ser a dona do negócio.
"Quando preciso me ausentar da loja, seja para uma viagem de negócios, por exemplo, ou qualquer outro compromisso, é ela quem administra o brechó. Tenho total confiança nela por conta do comprometimento e experiência profissional. Essa cumplicidade faz com que o trabalho sempre alcance os melhores resultados", garante a empresária.

"Tenho muita responsabilidade, desempenho minha função da melhor forma possível e, com a experiência adquirida em empregos anteriores, resolvo várias situações de maneira calma, profissional e segura. Fico muito grata pelo reconhecimento e pela confiança no meu trabalho", diz Regina.
Para a empresária Yana, as empresas devem dar mais oportunidades aos trabalhadores com 40 anos ou mais, e os mesmos não devem ser rotulados pela idade.
“Eles tem experiência, força de vontade, comprometimento, e outros valores como qualquer outro concorrente mais jovem nesse competitivo mercado de trabalho", avalia a dona do Choose Vintage.
Contatos e informações para a imprensa: Patrícia Fahlbusch (61) 99908-0172 – WhatsApp.

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo