quarta-feira, 5 de abril de 2017

Ao menos 400 crianças são feitas reféns dentro de escola no Rio

O crime aconteceu por volta das 10h e os suspeitos estavam fugindo da PM, que

fazia operação na comunidade da Mangueira, Após a morte da adolescente Maria Eduarda, 13 anos, dentro de uma escola no Rio, mais uma unidade de ensino foi alvo de criminosos, na tarde desta quinta-feira (5). Ao menos 400 crianças, entre 4 e 12 anos, foram mantidas reféns dos bandidos, na Escola Municipal Mestre Waldemiro, em São Cristóvão, na Zona Norte da capital fluminense.

O crime aconteceu por volta das 10h, de acordo com a Polícia Militar. Os suspeitos estavam fugindo da PM, que fazia operação na comunidade da Mangueira. O Extra conversou com uma professora da unidade, que preferiu não ser identificada.

Ela disse que, quando os funcionários perceberam que os invasores estavam no pátio da escola, os alunos foram levados para os corredores e tiveram que permanecer abaixados por medo da possibilidade de tiros.

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo