quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Cantora Gospel usuárias de Droga, Evangélicos à Humilham pelas Redes

Por:Anderson França. 
Soube pela manhã que um homem expôs a vida e a intimidade de uma cantora

gospel, porque ela é usuária de maconha e cocaína.
Essa exposição está custando caro. Linchamento de evangélicos contra ela, a possível perda de contratantes, a relação com a gravadora e a igreja, TODOS, na página dela estão humilhando, xingando e causando danos bastante sérios sobre ela que é uma figura pública, que se estabeleceu através da música, na igreja evangélica brasileira, racista e machista.
Mas ninguém questiona a atitude do homem que a expôs, que GRAVOU conversas onde ele a reprimia por usar maconha, escondia o cigarro e a fazia pedir, fazendo com que ela "confessasse" que era usuária e que precisava "sair das drogas".
Ele tem a frieza de um criminoso, um psicopata manipulador, e faz que ela entre em desespero segurando o cigarro de maconha, que ele se recusa a dar. Diz que a ama, que vai fazer com que ela saia das drogas, porque é isso que Deus quer.
Mas grava tudo e o áudio vazou.
Ninguém questiona como vazou, se foi ele, e se não foi, porque ele gravou.
Ele está sendo aplaudido por evangélicos e ela vivendo talvez seus piores dias. O áudio, que ouvi e não vou compartilhar, é deprimente, pois mostra o nível de canalhice que uma pessoa, então de confiança, pode ter.
A igreja evangélica, toda ela, tem problema sério com algo chamado:
VIDA DOS OUTROS.
Você não se converte ao cristianismo para cuidar da sua vida, mas da do outro, e obrigá-lo, se possível usando técnicas baixas e criminosas, a cumprir "o que a Bíblia diz".
Mas a Bíblia diz: Não roubarás.
No entanto, Eduardo Cunha roubou.
A Bíblia diz: Não adulterarás.
No entanto, Pastor Marcos Pereira fazia orgias.
A Bíblia diz: O Meu Reino não é deste mundo.
No entanto, Crivella, Feliciano e tantos outros pastores são políticos vorazes por poder.
A Bíblia diz muitas coisas que os evangélicos fazem. 
Eu conheço pastor que tem amante. Não uma. Nem duas. Conheço cantora gospel que trepa mais que a Jezabel no auge da sua vida. Conheço regente de coral que tem uma vida de cachaça, maconha e pó, que junta a casa de homem e rola um pocket get together like orgia do Vaticano.
Fora os maridos evangélicos que batem nas mulheres. Muito. Fora os desvios de dízimo. Fora as alianças com a milícia.
Então, eu te pergunto, quem é a igreja evangélica pra se considerar em condições de fazer isso com essa pessoa?
Eu nasci e me criei na igreja, e não permito que ela entre na minha vida e me diga o que fazer, pelo contrário, eu sou quem a provoca. Meu Cristo é preto, e isso está escrito em Apocalipse 4:3. Meu Cristo perdoa pecadores, prostitutas, publicanos, adúlteros. Meu Cristo veio para os pobres, e odeia os ricos. Meu Cristo ouvia, mas não expunha pessoas.
Antes, caminhava com elas, e as ensinava o caminho do perdão, delas, para elas mesmas.
Fora isso, há o nítido caso de violência machista, psicológica e patrimonial e este homem deve ser denunciado a polícia, e julgado na forma da Maria da Penha, que considera crime contra a mulher o prejuízo que ele está causando, a manipulação, se valendo da posição de pessoa íntima, estabelecendo uma relação de poder e oprimindo o emocional desta mulher.
Mulheres de qualquer orientação religiosa devem apoiar esta mulher, porque ela é apenas mais uma sendo oprimida dentro da igreja, de onde inclusive venho, e onde eu sei que Deus não habita.
É uma vergonha para a igreja, a confirmação que o machismo é ontológico e que pessoas públicas devem ter redes de apoio verdadeiras, porque tem muita gente em volta, como vampiros, esperando a hora de destruir a reputação de quem quer que seja.
Todo meu apoio, e oração, e amor a Daniela Araújo. <3
"Porque nós anunciamos o Cristo, e este, crucificado."O Texto mais coerente que li sobre o caso de hoje!
Ps: Eu Malu Silva,Concordo com o texto de Anderson França,por isso estou replicando no meu blog,acho uma injustiça com esta moça,ela precisa de ajuda e não de ser exposta,cadê o Amor Ao próximo?

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo