quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Prefeitura de Pirenópolis intensifica os investimentos em saúde pública

Todo semestre, a Prefeitura de Pirenópolis faz um balanço sobre a situação da saúde
pública no município. Segundo informações da própria Prefeitura, até o mês de julho deste ano, os números coletados para o balanço demostram dados expressivos no acolhimento à população.

A constatação permitiu o governo municipal avaliar os serviços de atendimentos imunobiológicos, exames de baixa e alta complexidade, exames laboratoriais, cirurgias eletivas, consultas especializadas, saúde bucal, atendimento em fisioterapia, nutrição e acupuntura, farmácia pública, serviço de transporte e os serviços prestados pelo Núcleo de Controle de Doenças Transmitidas por Vetores.
“São milhares de pessoas recebendo algum tipo de assistência em saúde por meio da Prefeitura. Ao todo, foram 61.935 medicamentos dispensados à população, 4.836 atendimentos fisioterapêuticos, atendimento domiciliar de acamados na Aldeia da Paz, Asilo São Vicente de Paula, e povoados de Jaranápolis e Radiolândia”, informa a gestão do prefeito de Pirenópolis, João do Léo.


Para o presidente da AMAB, Hildo do Candango, uma das principais demandas sociais de qualquer cidade recai sobre o serviço público de saúde. “Por isto, quando a gestão de João do Léo resolve investir e organizar esse serviço, ela está atendendo a uma das principais carências que afligem a sociedade. A Prefeitura de Pirenópolis está de parabéns ao fortalecer o serviço de saúde, que, em minha opinião, é um dos principais pilares para que uma comunidade tenha alta qualidade de vida”, diz Hildo.

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo