sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Sindicato dos Jornalistas do DF realiza mutirão.

Equipe da Escola Nacional de Acupuntura atende associados gratuitamente. O jornalista, acupunturista e escritor Ray Cunha autografa três livros de contos
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal (SJPDF) volta a realizar mais uma edição do projeto SINDICATO ABERTO, sábado 2 de setembro, das 9 às 18 horas, na sede da entidade, no SIG, Quadra 2, Lotes 420/430/440, Edifício City Offices Jornalista Carlos Castello Branco, Cobertura, C13. O evento tem o objetivo de incentivar a categoria a conhecer o local onde fica o Sindicato e o trabalho desenvolvido pela instituição. Por isso, durante todo o dia serão oferecidos diversos serviços para a categoria.
Os jornalistas poderão realizar consultas jurídicas, se sindicalizar e solicitar carteira da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e da Federação Internacional dos Jornalistas (FIJ). Os profissionais também terão direito a participar de aulas gratuitas de yoga com o professor Raphael Barros Dorneles, cofundador da escola VitaBhaya Yôga, e de sessões de acupuntura e auriculoterapia, bem como orientação alimentar dentro dos conceitos da Medicina Tradicional Chinesa, por uma equipe de professores e alunos da ESCOLA NACIONAL DE ACUPUNTURA (ENAc).
O escritório que presta serviços jurídicos para o SJPDF realizará um mutirão para atender os jornalistas que necessitam de auxílio de advocacia. O atendimento ocorrerá por ordem de chegada, a partir das 9 horas, até às 13 horas. Advogados das áreas trabalhista, criminal, civil e administrativa estarão à disposição da classe.
Uma das novidades desta edição será o bazar. Aberto para todos os jornalistas, sindicalizados ou não, objetiva incentivar os profissionais a se desapegarem dos seus objetos usados como: roupas, vinil, utensílios de casa, entre outros. Quem quiser participar terá que trazer seus produtos e sua banquinha para expor.
No mesmo dia, também ocorrerá uma roda de conversa que irá marcar o lançamento da quarta etapa da campanha Assessor de Imprensa é Jornalista. As discussões terão início às 16 horas, no espaço multiuso da sede da entidade. A nova etapa da campanha irá reforçar a necessidade do cumprimento, por parte das agências de comunicação que prestam serviços em assessorias, da Convenção Coletiva de Trabalho, fechada todos os anos com o Sindicato das Empresas de Televisão, Rádios, Revistas e Jornais do DF (Sinterj-DF).
Ainda, será realizada durante o Sindicato Aberto a assembleia de prestação de contas de 2016, que ocorrerá a partir das 14 horas, no auditório do SJPDF. Na ocasião, o Sindicato irá apresentar os principais pontos do movimento financeiro da entidade e o Conselho Fiscal irá se pronunciar em relação aos gastos e à arrecadação da instituição.
JORNALISTAS ESCRITORES

A entidade também abrirá as portas para a exposição de livros escritos por jornalistas. A iniciativa faz parte do programa Jornalistas Escritores. Nesta edição, já está confirmada a presença do jornalista, acupunturista e escritor RAY CUNHA, que estará autografando três livros de contos: NA BOCA DO JACARÉ-AÇU – A AMAZÔNIA COMO ELA É, O CASULO EXPOSTO e TRÓPICO ÚMIDO – TRÊS CONTOS AMAZÔNICOS.
O SJPDF convida os jornalistas interessados em divulgar seus livros para participar da exposição. Para fazer parte do evento, entre em contato com a secretaria do Sindicato pelo e-mail: secretaria@sjpdf.org.br ou pelo telefone: 3343-2251.

ESCOLA NACIONAL DE ACUPUNTURA (ENAc)
E
m 24 de fevereiro de 2015, a ENAc firmou convênio com o SJPDF para atendimento dos jornalistas associados e funcionários do Sindicato e seus dependentes legais, em acupuntura, auriculoterapia e massagem terapêutica, com desconto de 25% sobre a tabela dos serviços. Os jornalistas sindicalizados são encaminhados pelo SJPDF ao ambulatório da Enac, na 710/711 Norte, Bloco D, Loja 67, telefones: 3322-4998 e 3322-3037.

O ambulatório da ENAc atende de segunda a sexta-feira, com marcação pelo telefone: 3322-4998. De ampla cobertura e eficácia terapêutica, a acupuntura é reconhecida pela OMS e foi incluída na lista de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, durante a V Sessão do Comitê Intergovernamental da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), em 17 de novembro de 2010.
CURSO DE MEDICINA TRADICIONAL CHINESA
A ENAc abriu inscrições para o curso de formação em Medicina Tradicional Chinesa (MTC), um dos mais completos e conceituados do país, seguindo as diretrizes da Organização
Mundial da Saúde (OMS)/Organização das Nações Unidas (ONU) e contando com convênios com instituições de referência no exterior. O curso tem a duração mínima de dois anos, com 2.080 horas/aula e 440 horas de estágio ambulatorial, num total de 2.520 horas de aulas diárias e presenciais, além de trabalho de conclusão.
Referência na formação em Acupuntura, a ENAc é responsável por um dos mais completos e conceituados cursos do país em MTC. É também a instituição mais atuante e respeitada no cenário político da regulamentação profissional da Acupuntura (MTC).
fonte: RAY CUNHA

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo