Mutirão da Simplificação fica em Ceilândia até sexta (18)

Em espaço ao lado do restaurante comunitário, governo e Sebrae-DF promovem acesso facilitado a serviços como abertura, fechamento, registro e licenciamento de empresas. Microempreendedores individuais são o foco desta edição, que ocorre durante a Semana do MEI.

Na Semana do Microempreendedor Individual (MEI), teve início o 12º Mutirão da Simplificação, em Ceilândia. Destinado a micro e pequenos empreendedores locais, o evento segue até sexta-feira (18), na CNM 1, ao lado do restaurante comunitário, das 8 às 18 horas.

A iniciativa é uma parceria do governo de Brasília com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal (Sebrae-DF), que oferta orientações sobre registro e licenciamento de empresas, bem como capacitações e consultorias.

No mesmo local, funcionará a Semana do MEI. Trata-se de um evento nacional, com atividades específicas por todo o País, até 19 de maio. Após o fim do mutirão, ainda haverá palestras e oficinas para microempreendedores individuais até as 12 horas de sábado (19).

“O Sebrae-DF costuma realizar a Semana do MEI aqui em Ceilândia, pela quantidade de CNPJ [Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica] e de MEI da região. Desta vez, conseguimos congregar o evento com o Mutirão da Simplificação”, disse o secretário de Economia, Desenvolvimento, Inovação, Ciência e Tecnologia, Antonio Valdir Oliveira Filho.

O DF conta com cerca de 150 mil microempreendedores individuais. Desses, 16 mil estão em Ceilândia, a mais populosa das 31 regiões administrativas.

Salas do Empreendedor estão em 15 regiões administrativas
Paralelamente ao que ocorre em Ceilândia, haverá atendimento aos microempreendedores individuais nas Salas do Empreendedor.

Elas estão espalhadas por 15 regiões administrativas:
Candangolândia (Administração Regional – Área Especial 1, Rua dos Transportes)

Cruzeiro (Feira Permanente – Quadra 811, Cruzeiro Novo)

Estrutural (Administração Regional – Setor Central, Área Especial 5)

Gama (Administração Regional – Área Especial S/N, Setor Central)

Guará II (Administração Regional – Área Especial do Cave)

Itapoã (Administração Regional – Quadra 378, Conjunto A, Área Especial 4)

Lago Norte (Administração Regional – SHIN CA 5, Conjunto J, Blocos A e B)

Lago Sul (Administração Regional – SHIS QI 11)

Paranoá (Administração Regional – Praça Central S/N, Lote 1)

Planaltina (Administração Regional – Avenida Uberdan Cardoso, Setor Administrativo)

Recanto das Emas (Recanto das Artes – Quadra 102, Área Especial)

Riacho Fundo I (Administração Regional – Área Central 3, Lote 6)

Santa Maria (Administração Regional – Centro Urbano, Quadra Central 1, Conjunto H, Lote 1)

São Sebastião (Administração Regional – Quadra 101, Conjunto 8, Área Especial)

Varjão (Casa da Cultura – Quadra 2, Conjunto A, Lotes 13 e 14)

Mutirões da Simplificação registraram mais de 36 mil atendimentos
Nas dez edições anteriores dos mutirões da simplificação, foram feitos, ao todo, cerca de 36,5 mil atendimentos e 14,5 mil capacitações. Os dados são do Sebrae-DF.

Os atendimentos contam com o sistema digital de Registro e Licenciamento de Empresas (RLE), que acelera a abertura e o fechamento de negócios. Pelo RLE@Digital, já foram feitos 156 mil atendimentos.

Simplifica PJ oferece serviços do mutirão
Os empreendedores e empresários do DF contam ainda com o Simplifica PJ, espaço do governo de Brasília que reúne os serviços ofertados no mutirão.

O local funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h30, na QI 19 do Setor de Indústrias de Taguatinga.
Fonte:DA AGÊNCIA BRASÍLIA


© Blog da MaluTodos os direitos reservados.
imagem-logo