Transporte público ganhau reforço nesta sexta-feira (1º)

Foram 300 ônibus extras pela manhã. A medida foi determinada pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, e será repetida no fim do dia, no horário de volta dos trabalhadores para casa.Mesmo com o ponto facultativo nesta sexta-feira (1º) para servidores do governo de Brasília, foi registrada grande demanda de passageiros nesta manhã na Rodoviária de Brasília.

Diante da necessidade da população, a Secretaria de Mobilidade e o Transporte Urbano do DF (DFTrans), que haviam inicialmente determinado o uso da escala de sábado para hoje (60% da frota), liberaram mais 300 ônibus para atender a quantidade de passageiros.

A medida foi determinada pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, e será repetida no fim do dia, no horário de volta dos trabalhadores para casa. No período da tarde, quando a demanda é menor, o reforço cairá para 120 veículos extras.A escala de sábado havia sido adotada hoje com a finalidade de reduzir a quantidade de veículos nas ruas e facilitar a normalização dos serviços afetados pela paralisação nacional dos caminhoneiros.

A decisão foi anunciada pelo governador Rodrigo Rollemberg nesta sexta-feira durante reunião do gabinete de crise do DF que acompanha a greve e os efeitos dela em Brasília.Também está determinado que o metrô circule com horário normal, das 6 horas às 23h30.
No fim de semana, o sistema de transporte obedecerá as escalas normais de sábado e de domingo, podendo ser ampliadas também caso seja necessário.
DA AGÊNCIA BRASÍLIA


Publicidade - Blog da Malu




© Blog da MaluTodos os direitos reservados.
imagem-logo