quinta-feira, 7 de julho de 2016

Farol baixo em rodovias começa a ser obrigatório na sexta-feira (8)

nova_lei_do_farol_Agencia_BrasiliaA punição para quem descumprir a regra será multa de R$ 85,13 e acréscimo de quatro pontos na carteira de habilitação.A partir de sexta-feira (8), a obrigatoriedade do farol baixo também vale durante o dia nas rodovias brasileiras. O uso do equipamento não pode ser substituído pelo de milha, de neblina ou farolete. Também é necessário ligá-lo em motos e ônibus quando chover ou o tempo estiver nublado. 

O objetivo é reforçar a segurança nas estradas. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, os faróis acesos durante o dia permitem que o veículo seja visto a uma distância de até 3 quilômetros por quem trafega no sentido contrário. A luz facilita ainda a visão de pedestres, de ciclistas e de motociclistas.
O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) informa que são cerca de 50 mil vítimas fatais por ano em acidentes de carro no Brasil. Segundo o departamento, a baixa visibilidade é uma das principais causas das batidas.
Em 8 de julho, o DER iniciará a fiscalização com a aplicação de multas. Aquele que descumprir a legislação pagará R$ 85,13 e terá o acréscimo de quatro pontos na carteira de habilitação. O uso foi determinado pela Lei nº 13.292, de 2016, sancionada pelo presidente interino da República, Michel Temer, em 24 de maio.
Blitze educativas sobre o uso dos faróis durante o dia
Desde 27 de junho, o DER faz blitze para orientar o motorista em relação ao uso do farol. As operações educativas seguem até 18 de julho, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas. Nas ações, os funcionários do departamento entregam panfletos informativos e esclarecem as dúvidas dos motoristas sobre o uso correto do farol. Foram impressos 50 mil panfletos com as informações.
fonte:Agencia Brasilia




imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo