quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Quando o pai vira “pãe”

Está em andamento uma revolução nos papeis dentro dos lares brasileiros, que não inclui somente o aumento de casas comandadas por mulheres. Cresceu também o número de pais que criam sozinhos os filhos
O encarregado da Dinâmica Engenharia, Francisco Pereira da Silva, 51 anos, viveu esta experiência. Era dezembro de 1998. “Minha ex-mulher saiu de casa e me pegou de calças curtas. Ela levou apenas a filha caçula, que tinha quatro anos na época. Os outros três, ela deixou comigo e foi embora”, disse Francisco, sem  ressentimento na voz.
Passada as festas de fim de ano, ele precisou  aprender a  conciliar o trabalho com os cuidados rotineiros necessários a duas meninas e um menino, com idades de 6 a 9 anos. Sua realidade integra um levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) feito na época. Avançou em 28,57% o número de homens que assumem a criação dos filhos no País em 2008,  em comparação a 1993, quando uma série similar foi colhida pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad).
Sem familiares e parentes por perto, ele precisou, com muito sacrifício, contratar uma funcionária para ficar com os filhos durante o dia. Mas, diante das dificuldades financeiras, após três anos precisou dispensar a babá. Nesta época seu filho mais velho estava com 11 anos. O jeito foi colocá-lo para cuidar dos demais nos períodos em que estava trabalhando. “Aí a gente seguiu sozinho”, lembra-se.
As dificuldades do início foram compensadas com a troca de afeto e a união da família, que só cresceu. Hoje, os filhos mais velhos, casaram-se, mas o forte vínculo entre eles permanece. “Depois de dez anos ficou a gratidão dos meus filhos por mim e da minha parte por eles, porque eu ganhei grandes companheiros nesta vida”, conta. No dia dos pais, a comemoração tem lugar já definido: a casa do seu Francisco.  “Todo Dia dos Pais é uma maravilha lá em casa. Eles trazem a carne, a bebida e fazem a festa”, ressalta. E para essa festa chegou mais gente especial. Atualmente, ele é  casado, teve mais um filho, hoje com sete anos, e também ganhou um netinho


imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo