terça-feira, 29 de novembro de 2016

Concessionárias esperam movimento intenso nos próximos dias

Primeira parcela do 13º salário e a abertura de concessionárias aos domingos, juntamente


com as promoções de fim de ano, melhoram as expectativas do setor  
Em meio à crise financeira que tem afetado as negociações nas concessionárias de veículos — e que provocou o sobe e desce dos emplacamentos nos últimos meses —, o setor automotivo do DF trabalha para até o final do ano aumentar o desempenho em vendas de modelos zero quilômetro. E o melhor: o 13º salário pode ser um dos principais aliados das autorizadas nesse período.
De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o pagamento do 13º salário deve injetar na economia do país R$ 196,7 bilhões, que representam aproximadamente 3% do Produto Interno Bruto (PIB). A primeira parcela do benefício deve cair em conta até o dia 30 deste mês.
Usar o 13º salário pode ser um dos principais meios para encurtar financiamentos. “Deve-se levar em consideração que as taxas tendem a multiplicar o valor da dívida. Assim, quanto mais parcelas antecipadas, maior o ganho”, alerta Hélio Aveiro, diretor do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do Distrito Federal (Sincodiv-DF).
Dicas de como usar o 13º salário na compra de um carro ou motocicleta novos:
O seu financiamento é leasing ou CDC? Se for leasing pode não compensar, mas se for CDC existe uma boa chance de conseguir desconto no pagamento antecipado de algumas parcelas;
 O “extra” ajuda na hora de quitar o valor do veículo, dar uma entrada maior ou simplesmente abater a dívida em função do carro. É como abrir mão do benefício em prol da diminuição no valor das prestações;
 Nos casos de guardar o dinheiro em poupanças ou fundos de investimentos, a dica é utilizar sempre o valor para abater as prestações, pois o rendimento da poupança é de cerca de 0,5% ao mês, enquanto que os juros do financiamento de veículos ficam entre 1,5% a 2%;
 É comum companhias como Fiat, Ford, Volkswagen e Chevrolet oferecerem boas promoções com a injeção do 13º na economia. Algumas oferecem até taxa zero, desde que o cliente pague ao menos 50% do valor do veículo;
 O proprietário de um veículo pode terminar de pagar o carro atual, vende-lo e comprar um mais novo e melhor, desde que a dívida antiga seja devidamente quitada;
 Avalie bem o veículo, as condições e sua situação financeira antes de fechar o negócio. 
Abertura aos domingos – De acordo com o Sincodiv-DF, as concessionárias de veículos da capital abrirão nos seguintes domingos de dezembro: 4, 11 e 18. Até janeiro, as revendedoras farão campanhas promocionais para atrair os consumidores às lojas. 
Sobre o Sincodiv-DF - Filiado à Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do DF (Sincodiv-DF) conta com 60 associados totalizando 136 concessionárias. A entidade é responsável pela pesquisa mensal sobre emplacamentos de veículos no DF. 
 AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO – SINCODIV/DF
Proativa Comunicação

imagem-logo
© Repórter Malu - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo